No quinto mistério contemplamos a Instituição da Eucaristia na última ceia
Acesse sua conta Login
Faça parte Cadastrese!
Arautos do Evangelho
Arautos Podcast contato Contato Rezem por mim
  Coroa das sete dores de Nossa Senho

No quinto mistério contemplamos a Instituição da Eucaristia na última ceia
Mons. João Clá - Livro O Rosário A Oração da Paz - 2008/11/04

luminoso_5.jpgDurante a refeição, Jesus tomou o pão, benzeu-o, partiu-o e o deu aos discípulos, dizendo: "Tomai e comei, isto é meu corpo". Tomou depois o cálice, rendeu graças e deu-lho, dizendo: "Bebei dele todos, porque isto é meu sangue, o sangue da Nova Aliança, derramado por muitos homens em remissão dos pecados. Digo-vos: doravante não beberei mais desse fruto da vinha até o dia em que o beberei de novo convosco no Reino de meu Pai" (Mt 26, 26-29).

Que mais poderia nos ter dado Jesus? Fez-se co¬mida e bebida para podermos participar eternamente da sua própria vida. Quando o sacerdote pronuncia as palavras da consagração, opera-se, por ação divina, a transubstanciação do pão e do vinho no Corpo, Sangue, Alma e Divindade de Nosso Senhor Jesus Cristo. Ao comungarmos, nós nos assemelhamos a Maria, por momentos, possuindo o Corpo, Sangue, Alma e Divindade de Jesus em nosso claustro interior.

Por este Mistério, peçamos a Nossa Senhora do Santíssimo Sacramento a graça de crescer ardorosamente na devoção eucarística, e de jamais perdermos a oportunidade de comungar com toda a fé, esperança e amor.
(Pausa para meditação)

Pai-Nosso, 10 Ave-Marias, Glória, Ó meu Jesus...

Graças do Mistério da instituição da Eucaristia, descei em nossas almas. Amém

Orações Finais: Pai Eterno, Infinitas graças, Salve Rainha e Ladainha de Nossa Senhora.

Votar Resultado 10  Votos

Gostou desta página? Então comente e participe da nossa família! Se ainda não é usuário, basta se cadastrar. É simples, rápido e gratuito! Se já é usuário, basta fazer seu login.
  ORAÇÕES