escada milagrosa

A inexplicável distração de um arquiteto do século XIX criou um problema "insolúvel",
do qual resultou uma admirável obra de arte que encanta as almas abertas para o
maravilhoso e até hoje deixa perplexos os mais competentes especialistas

Escada Santa Fe_B_.jpg
Escada Santa Fe_C_.jpg
Escada Santa Fe_A_.jpg

Na prodigiosa escada cujas fotos o leitor pode apreciar nesta página, tudo é harmônico e deslumbrante. Ocupando um mínimo de espaço, ela eleva-se elegantemente em caracol, fazendo duas voltas de 360 graus.

Sua história, tão surpreendente quanto encantadora, justifica por inteiro o nome que lhe foi dado pela devoção popular: Escada Milagrosa.

Em 1853, as "Irmãs de Loreto" fundaram na cidade de Santa Fé, Estados Unidos, a Escola de Nossa Senhora da Luz (Loreto), para educação de meninas. O estabelecimento prosperou e, anos depois, as freiras decidiram construir uma capela dedicada à sua Padroeira. E optaram pelo estilo gótico, à imitação da famosa Sainte Chapelle, de Paris.

Somente quando estava concluída a obra, em 1878, as boas religiosas deram-se conta de um monumental descuido do arquiteto: não havia escada de acesso ao coro, situado a cerca de dez metros de altura!... E a construção de uma escada comum, não apenas deformaria o estilo, mas reduziria de modo inaceitável o espaço útil do pequeno templo.

Como resolver o problema? Foram consultados arquitetos, carpinteiros e outros profissionais. Todos afirmaram categoricamente que a única "solução" era usar uma escada portátil.

Mas as freiras queriam uma igreja bela, digna da Rainha de todas as belezas. E se a técnica humana era incapaz de resolver o problema, "para Deus nada é impossível", como nos ensina o Divino Mestre.

Cheias de fé, iniciaram uma novena a São José. Afinal de contas - argumentavam elas - ele é um carpinteiro inigualável e deve empenhar-se para que uma igreja dedicada à sua Esposa santíssima seja em tudo perfeita como Ela!

Justamente no último dia da novena, apresentou-se um carpinteiro à procura de trabalho. Chegou montado num jumento, trazendo na mão sua caixa de ferramentas. Foi logo contratado para executar a obra considerada impossível. Trabalhou com diligência e discrição durante cerca de seis meses.

Certo dia as freiras verificaram, deslumbradas, que estava construída uma esplêndida escada em forma de caracol. Para resolver um mero problema funcional, o discreto e eficiente artífice havia adornado a pequena capela com uma autêntica jóia de madeira.

Onde estava ele? Ninguém sabia. Havia desaparecido sem se despedir de pessoa alguma. Não recebeu pagamento nem sequer um simples agradecimento pelo serviço prestado. Procuraram-no inutilmente, inclusive por meio de um anúncio publicado no jornal da cidade.

Por outro lado, um exame meticuloso da escada causava em todos enorme admiração. Sua magnífica estrutura, a elegância com que ela se eleva, além de vários detalhes da construção, deixam perplexos os especialistas até o dia de hoje. Por exemplo, ela faz duas voltas completas de 360 graus sem nenhum apoio colateral e é toda feita de encaixes, sem utilização de um único prego. Algumas de suas peças são de um tipo de madeira inexistente na região.

Em vista das circunstâncias em que foi feita a novena a São José, a inexplicável perfeição da obra, sob o ponto de vista humano, e o misterioso desaparecimento do artista, as freiras não tiveram dúvida em tirar a conclusão: o próprio esposo castíssimo da Virgem Maria viera realizar, em homenagem a Ela, aquilo que a técnica humana considerava impossível.

E lá está até hoje, maravilhando todas as almas capazes de ver e amar a beleza, a Escada Milagrosa da capela de Nossa Senhora de Loreto, na cidade norte-americana de Santa Fé.

 ESCADA

Gostou desta página? Então comente e participe da nossa família! Se ainda não é usuário, basta se cadastrar. É simples, rápido e gratuito! Se já é usuário, basta fazer seu login.
Francisco
  -   30 de setembro de 2010

Essa escada é uma maravilha. Já tinha lido algo sobre ela, mas ao ler esse artigo recebi uma graça mística e tive a sensação de já estar no
céu. Parece que o céu desceu à terra. É a misericórdia de Deus que per-
mite fatos assim, para que sejamos fortalecidos na fé. Tive a impressão
de que qualquer pessoa, por mais atolada que esteja no pecado e não es-
teja praticando a religião, recebendo a graça que recebí ao ler este
artigo, abandona os falsos prazeres do pecado e se entrega às delicias que essa graça comunica.
Creio que deve haver muita coisa assim por esse mundo de Deus. Publi-
quem mais e estarão fazendo muito bem.
Obrigado. Que Nossa Senhora os recompense.
Caio
  -   24 de março de 2011

Espetacular!
História cheia de pureza e beleza...
Eleva nossa alma!

Obrigado Deus. Obrigado Arautos. Obrigado a todos por essa história.
Salve Maria!
aline
  -   7 de junho de 2012

Amei esta historia!
Agnaldo
  -   16 de junho de 2012

Agnaldo 2012
Sou fascinado por esta estória a muito tempo e só agora tive a oportunidade de aprecia-la com a riqueza de detalhes e é fantástico a forma que a escada foi feita num espaço reduzido. Li alguns comentários de pessoas que não acreditam em DEUS,
comentários de pessoas leigas em Arquitetura e Carpintaria será que eles acham que aqueles pequenos suportes feitos com certeza na tenda que estão afixados no pilar e na parede suportariam o peso daquela escada? Francamente, Obrigado SENHOR por nos mostrar estas maravilhas e perdoe estes que não sabem o que fazem e o que falam, amém.
Participante
  -   23 de novembro de 2012

Que linda história de fé. Para Deus nada é impossível e com certeza São Jose desceu do céu para homenagear Aquela a quem tudo é pouco para alcançar as homenagens
que Ela merece.
Participante
  -   29 de novembro de 2012

História maravilhosa, amei muito!!!!!!!!!
Darcília
  -   24 de março de 2013

Se Deus nos permitiu conhecer alguém tão divino como Jesus porque não podemos conhecer todos aqueles que o seguem. Acredito que o céu tem muitas maneiras de demostrar o seu amor e que se fosse preciso São José dar esta força ao doce grupo de freiras ele certamente também deixaria sua marca. Portanto acredito que se não foi ele pode ter sido anjos que seguem a virgem. Jesus disse que seria possível os santos serem vistos perto da sua vinda. Será que eles já não estão aqui mas com novas roupagens. Pois somos pecadores e podemos não estar prontos para ve-los de perto, não acha que esta visão delas pode ser a forma carinhosa do santo de se manifestar sem causar susto ou medo? Que permita que esta fé delas seja exemplo sempre.
PEDRO
  -   15 de abril de 2013

AMEI QUE GRAÇA, QUE MARAVILHA QUE HISTÓRIA LINDA DO AMOR PELA MÃE CELESTIAL QUE MERECE E MERECEU TÃO SINGELO PRESENTE DAS IRMÃS ACREDITO DO SEU CASTÍSSIMO ESPOSO SÃO JOSÉ PELO QUAL COM FÉ ACREDITAM SER O ALTOR DE TÃO MARAVILHOSA ARQUITETURA.SÓ POSSO FICAR MARAVILHADO POR ESSA BELEZA, ESSE TESOURO QUE SE CHAMA FÉ,ACREDITEMOS SEMPRE NO PODER DE DEUS POR NÓS E POR NOSSAS ORAÇÕES QUE QUANTO MAIS PEDIRMOS MAIS ELE NOS DARÁ SE DE SUA SANTA VONTADE. DEUS SEJA LOUVADO POR SUA IMENSA BONDADE UM ABRAÇO DO SEU QUERIDO AMIGO PEDRO HENRIQUE F RODRIGUES. PAZ E BEM!
vanda pordeus de melo
  -   22 de setembro de 2013

PARA DEUE NADA E IMPOSSIVEL POIS A CADA MOMENTO DEUS NOS FAZ UM MILAGRE E TALVEZ NÓS N~AO DAMOS CONTA POIS VIVER RESPIRAR TUDO È MILAGRE.SAO JOSE PROVIDENDCIAI.