Festa de Nossa Senhora de Azambuja acontece neste final de semana, em Santa Catarina
Acesse sua conta Login
Faça parte Cadastrese!
Arautos do Evangelho
Arautos Podcast contato Contato Rezem por mim
  Vela a Nossa Senhora de Fátima

Festa de Nossa Senhora de Azambuja acontece neste final de semana, em Santa Catarina
Gaudium Press - 2012/08/16

Brusque (Quinta-Feira, 16/08/2012, Gaudium Press) A Arquidiocese de Florianópolis, através do Santuário de Azambuja, promoverá nos próximos dias 18 e 19, a tradicional Festa de Nossa Senhora de Azambuja, na cidade de Brusque, em Santa Catarina.

Festa de Nossa Senhora de Azambuja.jpg

O local recebe milhares de peregrinos ao longo de todo o ano, mas é por ocasião dessa data que o Santuário acolhe aproximadamente 50 mil fiéis, vindos de várias regiões do Estado e de outras localidades do Brasil.

Segundo os organizadores do evento, a novena preparatória para a festa iniciou no dia 10 deste mês e termina no dia 18, sempre às 19h.

No dia 18, após a celebração da missa e da novena, será realizada a Procissão Luminosa em direção ao Morro do Rosário. Durante o percurso, os participantes rezarão a oração do rosário. Após a caminhada haverá um show pirotécnico e o inícios dos festejos populares.

No domingo, 19 de agosto, serão realizadas missas e atendimento de confissões nos seguintes horários: 7h30min, 8h30min, 10h, 12h, 13h, 14h, 15h, 16h, 17h e 19h.

A Missa solene da festa, às 10h, será presidida pelo Arcebispo Metropolitano de Florianópolis, Dom Wilson Tadeu Jönck, com a presença dos festeiros e autoridades.

Azambuja é muito mais do que apenas um Santuário que acolhe peregrinos e realiza a festa de Nossa Senhora. Ele é, principalmente, uma comunidade de fé, um centro de peregrinação (que abrange o Santuário, a Gruta e o Morro do Rosário), um espaço cultural (Museu), um centro de formação e educação (Seminário), uma valorização da terceira idade (Asilo) e um trabalho permanente em favor da vida (Hospital).

A primeira festa de Nossa Senhora de Azambuja aconteceu no ano de 1900. A festa é celebrada todos os anos no 3º domingo de agosto, desde o ano de 1985, com a devida anuência da Santa Sé, de Roma e também devido à lei dos feriados em todo o Brasil, que retirou o dia 15 como feriado.

História da devoção

A História de Azambuja e a devoção a Nossa Senhora nasceu com a chegada de alguns italianos em Brusque, no final de 1875. A fonte de água natural da atual Gruta de Azambuja motivou os imigrantes a definirem o local de sua tradicional devoção a Nossa Senhora. Rezarem a sua primeira Ave-Maria no silêncio e no mistério da mata virgem, diante de uma fonte de água em terra estranha.

A Gruta de Azambuja, desde o começo até os dias de hoje, tem sido vista com muito carinho pelo povo de Brusque e pelos milhares de peregrinos que vão até ela em busca de paz, de saúde e de muitas graças. Um lugar escolhido por Deus para manifestar de modo especial sua ação em favor de seus filhos e filhas.

Foi com esta motivação religiosa que em 1885, construíram a primeira capela, que tinha 6 metros de comprimento por 3 metros de largura. Sobre o altar foi colocado um quadro de Nossa Senhora trazido diretamente da Itália (Roma).

Este quadro original encontra-se hoje no acervo de arte sacra do Museu de Azambuja. Em 1894 foi concluída a construção da segunda capela, mais espaçosa, medindo 10 metros de comprimento por 12 metros de largura

Festa de Nossa Senhora de Azambuja2.jpg

Crescendo sua importância, o Bispo Diocesano de Curitiba Dom Duarte Leopoldo e Silva, no dia 1º de setembro de 1905, eleva a Capela de Azambuja à dignidade de Santuário Episcopal, com o título de Santuário de Nossa Senhora de Azambuja, desmembrando-o da jurisdição do Vigário de Brusque.

No dia 2 de novembro de 1927 são retirados da antiga Capelinha os quadros, bancos e ex-votos. No dia seguinte é feita a demolição da mesma. Ali junto à fonte, cujas águas são tidas como miraculosas, dá-se início à construção de uma nova gruta. Um ano depois, no dia 9 de dezembro de 1928, era inaugurado o novo monumento de piedade. Na gruta são entronizadas as imagens de nossa Senhora de Lourdes e Bernadete.

Sobre a gruta, que está dois metros abaixo do nível do terreno, uma capela, onde estão o quadro de Nossa Senhora de Caravaggio e os ex-votos dos romeiros.

No dia 8 de dezembro de 1939 foi lançada a pedra fundamental do novo, majestoso e atual Santuário. Suas paredes foram erguidas em redor do Santuário anterior. O templo tem uma torre de 40 metros de altura e uma nave central medindo 45 metros de comprimento por 16 metros de largura com uma altura de 20 metros.

A partir de 1950 foi edificado o "Morro do Rosário", que consta de 15 Mistérios do Rosário, distribuídos ao longo do caminho de acesso ao cume da elevação que fica atrás do Santuário.

No topo do morro foi colocado o último dos Mistérios Gloriosos: a coroação da Virgem Maria pela Santíssima Trindade.

Cada um dos mistérios é composto por imagens feitas de cimento, em tamanho natural. (FB/JS)

Votar Resultado 3  Votos

Gostou desta página? Então comente e participe da nossa família! Se ainda não é usuário, basta se cadastrar. É simples, rápido e gratuito! Se já é usuário, basta fazer seu login.
  ORAÇÕES