Fale conosco
 
 
Receba nossos boletins
 
 
 
Santo do Dia


Santo do Dia


São Marcos, o primeiro evangelista - Data: 24 de Abril 2022
 
 
Decrease Increase
Texto
Solo lectura
0
0
 
Buscar por dia

Navegue no Calendário Litúrgico ao lado e saiba mais sobre os santos de cada dia.
 
Escolha o santo deste dia
Ó Deus, que concedestes a são Marcos, vosso evangelista, a glória de proclamar a boa nova, dai-nos assimilar de tal modo seus ensinamentos, que sigamos fielmente os caminhos de Cristo.

São Marcos Evangelista é celebrado no dia 25 de abril. Entre os quatro que narraram o Evangelho, o leão é o seu símbolo, que demonstra a força que possui em seu escrito. É dele a famosa descrição sobre São João Batista: “Uma voz que clama no deserto”. Por isso que Veneza, cidade protegida sob seu patriarcado, possui a sua basílica toda adornada com estátuas e imagens de leões.

Ele é padroeiro dos tabeliões, escrivães, vidraceiros e ópticos.

São Marcos Evangelista com Pedro, o primeiro papa

Marcos foi o único entre os quatro que não seguiu diretamente a Jesus: Mateus e João eram do grupo dos Apóstolos, e São Lucas era um dos setenta e dois discípulos. Em contrapartida, o primeiro dos evangelhos que aparece é o seu, por volta do ano 60 d. C.

São Marcos nasceu de uma família judaica muito religiosa, e tem um parentesco curiosos: era primo de São Barnabé, que estudou junto com São Paulo, ainda quando este era Saulo, na escola de Gamaliel, e que depois foi seu fiel companheiro em muitas das evangelizações do Apóstolo. Quando Barnabé e São Paulo estavam em Chipre, aquele trouxe seu primo para que lhes auxiliassem, mas, por razões adversas, estabeleceu-se um pequeno desentendimento entre São Marcos e Paulo Apóstolo, o que fez com que São Barnabé o tomasse e o levasse para Roma.

Lá, ficou designado que São Marcos deveria acompanhar Pedro, chefe da Igreja, e lhe ajudasse no que este precisasse. No final da vida de São Paulo, já no cárcere, em uma carta a Timóteo, o Apóstolo parece já ter perdoado seu amigo, tanto que pede que o tragam: “Procure Marcos e traga-o com você, porque ele pode ajudar-me no ministério”. (2 Tim 4, 11).

Pelo fato de ser secretário do primeiro papa, São Marcos é conhecido como “estenógrafo” de Pedro. Seu evangelho é composto das catequeses que ouvia o pontífice narrar, por isso tem um tom mais popular. Foi escrito em grego, língua que era universal na época.

Ida a Alexandria e falecimento

Após o falecimento de seu pai e mestre espiritual, São Marcos foi para Alexandria, fundando a primeira comunidade de cristãos de lá. Ele morreu, provavelmente, entre os anos 68 e 72. Alguns relatos, imprecisos historicamente, o trazem como mártir no Egito. Os pagãos o teriam arrastado pelas ruas de Alexandria, amarrado com uma corda no pescoço. Sendo jogado na prisão, sabe-se que foi confortado por um anjo. Porém, no dia seguinte, sofrendo atrozes suplícios, morreu. Seu corpo devia ser queimado, mas, salvo pelos fiéis, foi sepultado em uma gruta. Dali, no século V, foi trasladado para uma igreja no Egito.

Conta-se também que dois mercadores venezianos, voltando de uma de suas negociações de Alexandria, descobriram que os muçulmanos pretendiam profanar a Igreja onde São Marcos estava enterrado. Assim, o levaram para sua terra natal, onde o colocaram com devoção.

Descrições de São Marcos na Bíblia

São Marcos Evangelista era uma pessoa muita querida. Dele, o príncipe dos apóstolos relata: “A comunidade que vive em Babilônia (Roma), escolhida como vocês, manda saudações. Marcos, meu filho, também” (1Pd 5,13).

E ainda, nos Atos dos Apóstolos, após a libertação “milagrosa” de Pedro da prisão: “Pedro então refletiu e foi para a casa de Maria, mãe de João, também chamado Marcos, onde muitos se haviam reunido para rezar” (Atos 12,12).

Cf. S. Marcos, Evangelista - Informações sobre o Santo do dia - Vatican News
 
Comentários