Arautos


Arautos


Primeira igreja dos Arautos na África
 
PUBLICADO POR ARAUTOS - 10/08/2020
 
Decrease Increase
Texto
Solo lectura
0
0
 
Qualificado como “terra de esperança” pelo Papa Bento XVI durante sua visita a Benin, o continente africano é, junto com o sudeste asiático, uma das áreas do mundo onde a Igreja cresce com maior vigor.

A primeira igreja dos Arautos na África

Com muita alegria e esperança, está sendo erigida a primeira igreja dos Arautos na África, com a invocação de Nossa Senhora Porta do Céu.

Desde sua chegada a Maputo no ano 2000, os Arautos do Evangelho dedicaram-se com afinco sobretudo à assistência espiritual desse País, servindo a Igreja local, cooperando com as paróquias e comunidades mais próximas.

A história da evangelização de Moçambique está intimamente ligada à história da colonização portuguesa.
Ademais, a Igreja em Moçambique é hoje uma presença consolidada e reconhecida pelas instituições e pelas leis do país.
Com mais de 6 milhões de batizados, a Igreja Católica é a principal denominação cristã do país (53%).

Todavia, o fato de ser um dos países mais pobres do mundo, devido aos conflitos armados que assolaram o país durante décadas, não constitui obstáculo ao surgimento de numerosas vocações entre os jovens, os quais manifestam grande avidez de sobrenatural. E, como sempre ocorre em circunstâncias análogas, “a messe é grande, mas os operários são poucos” (Mt 9, 37).

Primeira igreja dos Arautos na ÁfricaPrimeira igreja dos Arautos na África.

Qualificado como “terra de esperança” pelo Papa Bento XVI durante sua visita a Benin, o continente africano é, junto com o sudeste asiático, uma das áreas do mundo onde a Igreja cresce com maior vigor. Mas à medida que a messe aumenta, torna-se mais cogente a necessidade de obreiros para cuidar da Vinha do Senhor.

SAIBA MAIS

Arautos do Evangelho – Quem somos

FacebookTwitterInstagram
 
Comentários