Fale conosco
 
 
Receba nossos boletins
 
 
 
Notícias


Notícias


Pietrelcina prepara festa de Nossa Senhora da Libéria, a grande devoção do Padre Pio
 
AUTOR: GAUDIUM PRESS
 
Decrease Increase
Texto
Solo lectura
0
0
 

Pietrelcina – Itália (Quinta-feira, 04-08-2016, Gaudium Press) Com um completo programa para render tributo a Maria Santíssima da Libéria, Pietrelcina, na Itália, se prepara para celebrar a festa de sua Padroeira que há 50 anos recebeu a coroação canônica por parte da Santa Sé. A Virgem venerada era uma das maiores devoções do Padre Pio.Pietrelcina prepara festa de Nossa Senhora da Libéria, a grande devoção do Padre Pio 1.jpg

Em preparação a estas festividades, no dia 29 de julho foi iniciada uma Novena em honra à Mãe Santíssima, que até o dia 06 de agosto se celebrará na Igreja Mãe com exposição da imagem mariana e as pregações do Padre Roberto Francavilla, sacerdote Capuchino. O novenário vêm sendo realizado às 05h30, repetindo-se às 17h30.

Como parte das homenagens e do programa para a solenidade, se realizarão várias atividades e eventos religiosos, como a Santa Missa para os enfermos no dia 05 de agosto às 18h, também na Igreja Mãe.

Para o dia 06 de agosto, a partir das 05h30 está prevista a solene exposição da imagem da Virgem da Libéria, que se encontrará vestida com seu belo manto de ouro.

No domingo, 07, data da solenidade, serão iniciadas as celebrações com uma Vigília Mariana animada pelos jovens de Pietrelcina que ocorrerá a partir das 00h30. Depois, às 08h e 09h haverá Celebrações Eucarísticas, e às 11h será a Solene Missa presidida pelo Padre Roberto Francavilla. Ela estará animada pelo coro do Padre Pio de Pietrelcina. Às 18h haverá outra Missa, que culminará com a Solene Procissão da Virgem.

As homenagens se encerrarão no dia 08 de agosto com a Santa Missa de ação de graças que ocorrerá às 11h.

Um momento especial da festa mariana será a recordação da coroa que a Virgem recebeu há 50 anos. Tal como recordam a partir do website dos Frades Capuchinhos de Pietrelcina, o acontecimento ocorreu no dia 6 de agosto de 1966 pelas mãos do então Arcebispo de Benevento, Dom Rafaelle Calabria e no marco de uma solene cerimônia que ocorreu na Praça.

“No âmbito eclesial, o ato de coroar as imagens constitui um fato, em certo sentido, extraordinário. O Capítulo Vaticano estabelece que a concessão seja aprovada somente depois do exame de documentos da antiguidade, a veneração e o caráter milagroso da imagem”, escrevem a partir do website dos Capuchinhos.Pietrelcina prepara festa de Nossa Senhora da Libéria, a grande devoção do Padre Pio 2.jpg

A devoção à Virgem da Libéria é bastante antiga. Uma tradição assinala que Nossa Senhora, apareceu no dia 02 de julho do ano de 663 em Benevento e libertou a cidade do assédio do imperador bizantino. A Mãe de Deus apareceu com a cruz impressa na palma de sua mão, que é um símbolo característico desta invocação.

Este fervor em Pietrelcina se deve em grande medida ao acontecimento prodigioso ocorrido no dia 03 de dezembro de 1854 quando o lugar se viu afetado por uma peste que já contava com numerosos mortos. Não havia naquele então uma cura que freasse a enfermidade, e a única esperança era recorrer à Mãe de Deus, que há tempos era a protetora deste povo. Toda a povoação se reuniu em oração ao redor da imagem da Virgem que foi levada em procissão. A partir desse momento o número de mortes começou a cessar. Todos os anos, nas festividades marianas de agosto, se recorda este acontecimento milagroso.

Por sua vez, o Padre Pio se aproximou desta devoção desde muito pequeno, quando seu pai, Grazio Forgione, participava das celebrações. O próprio Santo descreveu em várias ocasiões estas comemorações marianas. (GPE/EPC)

 
Comentários